02/05/2016

Quem somos?

Imaculado-Coração-de-Maria

A Comunidade Mater Dolorosa de Jerusalém foi fundada em 26 de agosto de 1996 por Verônica de Sousa Jordão que inspirada pelo desejo de entregar a vida inteiramente ao Divino Esposo para saciar sua sede de almas, juntamente com mais uma jovem, lançou-se no caminho de uma vida oblativa para que com Maria, por Maria, para Maria e em Maria pudesse alcançar um maior número de almas para Deus.

Na trajetória da fundação da Comunidade Mater Dolorosa de Jerusalém, Deus uniu à Verônica seu diretor espiritual, Pe. Antônio Carlos Soares Cardoso, que desde os primeiros passos acompanhou e aconselhou sua filha espiritual na vontade de Deus. Tornou-se com ela fonte inspiradora do carisma, assumindo a cofundação, de modo que também através dele a Comunidade pode beber de muitas inspirações.

A compreensão da vontade de Deus enquanto carisma foi acontecendo a partir da identificação com Maria aos pés da Cruz. Maria, a Corredentora, une-Se ao Seu Filho, oferecendo-se como vítima de amor em reparação pelos pecados da humanidade e sendo consolação ao coração de Deus.

“Junto à Cruz de Jesus estavam de pé sua mãe, a irmã de sua mãe, Maria, mulher de Cléofas, e Maria Madalena” (Jo 19,25). Assim está a Comunidade Mater Dolorosa de Jerusalém, de pé com Maria aos pés da Cruz pela redenção da humanidade, tendo a alma traspassada pela espada de dor profetizada por Simeão em Lc 2,35: “E uma espada traspassará a tua alma”, até que cada alma seja alcançada para a glória de Deus.

A missão da Comunidade Mater Dolorosa de Jerusalém, constituída por membros de diversos estados de vida, é formar os filhos de Deus até a maturidade de Cristo (cf. Ef 4,13) que, no horto, tem sua grande expressão: “Pai, se queres afasta de mim este cálice! Contudo, não a minha vontade, mas a tua seja feita!” (Lc 22,42). Esse é o desejo de cada membro, na alegria de abraçar a Cruz do dia a dia, ajudar os filhos de Deus a abraçarem, com alegria, suas cruzes e subirem com determinação, unidos à Mater Dolorosa, o Calvário de suas vidas.